General Motors tem prejuízo de US$ 5,2 BI no 4º trimestre por reforma fiscal nos EUA

A General Motors fechou o quarto trimestre no vermelho, devido a US$ 7,3 bilhões de gastos ligados à recente reforma tributária dos Estados Unidos, que forçou uma revisão de sua contabilidade. O prejuízo líquido atingiu US$ 5,2 bilhões, contra um lucro líquido de US$ 1,8 bilhão no mesmo período de 2016. Excluindo esse gasto contábil, a maior fabricante de automóveis americana teve um lucro de US$ 1,9 bilhão – de acordo com a empresa, seu melhor desempenho na história para este período do ano.

Você pode gostar...